Os pesquisadores anunciaram um avanço na busca de uma cura para a Epidermólise Bullosa!

Pesquisadores da University College Dublin (UCD) dizem que agora produziram uma solução que usa terapia genética para reparar células ruins.

Isso tem o potencial de fornecer uma cura permanente para pessoas com EB distrófica recessiva, um dos subtipos mais graves de EB, para os quais atualmente não existe tratamento.

O conceito foi pioneiro pelo professor Wenxin Wang, que realiza pesquisas sobre EB nos últimos 10 anos, com assistência da DEBRA da Irlanda. A DEBRA Internacional e as outras DEBRAs tem feito muitos investimentos na área da pesquisa.

“A melhor parte dessa terapia é que ela não envolveria procedimentos dolorosos de enxerto de pele ou riscos associados a tratamentos virais na entrega de genes funcionais à pele”.

Vimos alguns resultados promissores no laboratório. Com mais pesquisas, poderíamos expandir isso para outros tipos de EB e até outras condições genéticas “- Dr. Jonathan O’Keeffe Ahern

Texto original:

http://ow.ly/h0ap50wQX7Y